Home Dicas Top Alimentação 5 maneiras para queimar gordura e melhorar sua pedalada
5 maneiras para queimar gordura e melhorar sua pedalada

5 maneiras para queimar gordura e melhorar sua pedalada

9.13K
1

Estas estratégias podem ajudá-lo a queimar gordura com mais eficiência enquanto estiver pedalando, ou não.

NÓS CICLISTAS FICAMOS TODO O TEMPO PREOCUPADOS COM O EXCESSO DE PESO. QUEIMAR GORDURA É FUNDAMENTAL.

Resenha do artigo de Bicycling

Há aqueles que não se importam muito, mas com certeza na hora que encaram uma dura subida, desejam ser alguns quilos mais leves.

Existem alguns benefícios óbvios em queimar gorduras, principalmente para os praticantes de esportes, e mais ainda para ciclistas. Qualquer peso adicional dificulta nossa vida.

Alguns investem milhares de reais em equipamentos cada vez mais leves, mas em contrapartida carregam um peso adicional de gordura que custaria bem menos para eliminar.

Mesmo em ciclistas assíduos, o sobrepeso pode oferecer riscos à saúde como problemas cardíacos e diabetes. Estes problemas não são exclusivos dos sedentários.

Além do mais um corpo mais leve nós dá uma sensação muito melhor, ficamos mais fortes, mais dispostos e mais propensos à render mais nas pedaladas.

O treinar olímpico de triathlon, Gale Bernhardt, co-autor do livro “Torne-se Uma Máquina de Queimar Gordura” apresenta várias formas, nós listamos as 5 mais bombadas e que podem trazer mais resultados para ciclistas e mountain bikers.

Faça treinos intervalados constantemente

queimar-gordura-pedalando-1-bike-tribe.jpg

Para maximizar a sua capacidade de queima de gordura, Bernhardt recomenda fazer o que ela chama de “intervalos milagrosos”. Eles devem ser realizados uma ou duas vezes por semana (não mais do que isto).

Este treinamento consiste em dar sprints máximos em intervalos específicos e manter um tempo de recuperação entre eles.

Quando combinados com os treinamentos regulares de resistência, estes exercícios, segundo pesquisas, mostram que há um aumento do consumo de oxigênio contribuindo para elevar o limiar de lactado do atleta, o que favorece resistir mais tempo em alta intensidade, consequentemente queimando mais gordura.

MAIS:  Sete passos simples para evitar o ganho de peso no inverno

Treinamentos intervalados devem ser executados somente por ciclistas que já tenham certa base, ou seja, aqueles que pedalam a mais tempo, regularmente. Novatos precisam treinar por alguns meses aumentando sua resistência antes de começa-los. Buscar a ajuda de um profissional é fundamental.

Os intervalados podem ser executados na própria bicicleta, na estrada ou na trilha, ou ainda nos rolos de treinamento.

Aqui está uma amostra de treino ” intervalos milagrosos” proposto por Bernhardt:

  1. Aquecer durante 20 minutos de forma leve à moderada, sem muito esforço
  2. 3 x 30 segundos dando o máximo, descanse 4 minutos entre cada série
  3. 3 x 20 segundos dando o máximo, descanse 2 minutos entre cada série
  4. 3 x 10 segundos dando o máximo, descanse 1 minuto entre cada série
  5. Gire durante 20 minutos de forma leve à moderada, sem muito esforço, recuperando-se.

Respeite a sua recuperação

queimar-gordura-pedalando-2-bike-tribe.jpg

Lembre-se que treinamentos duros só funcionam se você permitir que seu corpo se recupere adequadamente. Bernhardt diz que –“você precisa de pedaladas fáceis e alguns dias de folga”. Ele completa dizendo que –“o maior erro que eu vejo ciclistas cometendo é treinar duro por muitos dias consecutivos, sem dar tempo para o corpo se recuperar”.

Nestas condições o organismo pode entrar num processo de Over Trainning e passar a não queimar gordura adequadamente.

A recomendação para qualquer nível de atleta é fazer entre 5 e 6 treinos semanais sendo 3 de recuperação, 1 em grupo (com ciclistas fortes) e dois mais intensos podendo ser intervalados, de escalada em montanhas ou um “longão”.

Lembre-se também de ter um sono adequado. O sono é quando seu corpo repara e se recupera totalmente. Pesquisas mostram que redução no sono retarda o metabolismo, o que, obviamente, não é benéfico para a queima de gordura, e contribui para o ganho de peso.

MAIS:  4 treinos intervalados para você ficar mais veloz do que nunca na bike

Faça alguns treinos em jejum

queimar-gordura-pedalando-3-bike-tribe.jpg

Quando os seus depósitos de glicogênio estão baixos, seu corpo é forçado a queimar suas reservas de gordura, razão pela qual vários ciclistas do pelotão profissional fazem alguns treinamentos em jejum durante a temporada.

Esta técnica deve ser executada na parte da manhã, mas só em dias de treinamentos leves, de no máximo 1:40. Se for ultrapassar este tempo leve comida!

Não execute mais do que uma ou duas vezes por semana.

Tome uma boa xícara de café ao acordar (pois ele estimula a liberação de ácidos graxos em sua corrente sanguínea e dá disposição para o treino) saía para a pedalada, e tome seu café da manhã imediatamente após o término, mas sem exageros, só o suficiente.

Uma boa dica é consumir um sheik proteico nesta refeição. Mas lembre-se, a orientação de um bom nutricionista esportivo ajuda muito.

Coma mais gordura! Baixos teores de gordura são prejudiciais

queimar-gordura-pedalando-4-bike-tribe.jpg

E se você quiser ser um “melhor queimador de gordura”, comer mais gordura é importante.

Mas não são todos os tipos de gordura! Bernhardt destaca especialmente as ricas em ômega-3 e gorduras saudáveis como as dos peixes, castanhas e nozes e abacates. A pesquisa mostra que estas gorduras ativam os receptores em seu sistema digestivo que melhoram seu metabolismo de queima de gordura.

Comer pizza, hambúrguer, frituras, alimentos industrializados é bom demais! Eu adoraria comê-los todos os dias, sem nenhuma restrição, no entanto isto pode sabotar meu desempenho. É uma questão de escolhas e prioridades.

Ignorar os alimentos energéticos em pedaladas curtas

queimar-gordura-pedalando-5-bike-tribe.jpg

O “camarada” sai para pedalar 40 quilômetros ou 1:30 à 2:00 e leva: 3 saches de gel, 1 caramanhola de malto, mais outra caramanhola de carbo, 2 barras de proteína, 2 comprimidos de BCAA, 1 barra de rapadura, 5 barras de cereais, além de 1 gatorade e 1 hidrat com 3 litros de água para garantir. Ops!!! Já ia me esquecendo, 4 bananas nanica! Conhece alguém assim? Deixe seu comentário lá embaixo…

MAIS:  Nino Schurter detalhista até no traçado que fará trilha, neste domingo

Sim, até mesmo “máquinas de queima de gordura” precisam alimentar-se durante os treinos, competições, ou simples “rolés”. Mas muitos ciclistas comem muito, ingerem suplementos e repositores energéticos em excesso, param em todos os bares e padarias pelo caminho e ingerem uma infinidade de alimentos antes, durante e depois do pedal.

Vá com calma, deixe seu corpo queimar as reservas que ele já tem.

Se for pedalar por no máximo 1:40 à 2:00 experimente levar somente água.

Claro, se o treino for de 1:30, mas em um circuito de XCO intenso, leve alguns suplementos como géis, carbo e alguma coisa sólida para mastigar (pão integral com Nutela ou Pasta de Amendoim é top).

No entanto se for girar pouco não leve nada além de água. Sua queima de calorias será intensa. Aproveite estes momentos para perder peso.

Gostou das dicas? Tem algum à mais? Compartilhe conosco nos comentários.

Deixe sua opinião!!! Vamos compartilhar...

comments

Bike Tribe Um site para apaixonados por Mountain Bike e Ciclismo. Dicas de treinamentos, nutrição esportiva, técnicas, equipamentos e muito mais. Todas as informações para os amantes das bicicletas. Fale conosco para divulgar seus produtos e serviços. Seja um articulista.
Please enter Google Username or ID to start!
Example: clip360net or 116819034451508671546
Title
Caption
File name
Size
Alignment
Link to
  Open new windows
  Rel nofollow